São José, tu foste a árvore abençoada por Deus, não para dar frutos, mas para dar sombra; 

Sombra protetora de Maria, tua esposa;

Sombra de Jesus, que te chamou de pai e ao qual tu te entregaste totalmente;

Tua vida, feita de trabalho e de silêncio, me ensina a ser eficaz em todas as situações;

Me ensina, acima de tudo, a esperar na obscuridade firme na fé;

Sete dores e sete alegrias resumem tua experiência:

Foram as alegrias de Cristo e de Maria, expressão de tua dedicação sem limites;

Que teu exemplo me acompanhe em todos os momentos: 

Florescer onde a vontade do Pai me colocou, saber esperar, entregar-me sem reservas, até que a tristeza e a alegria dos outros sejam minha própria tristeza e minha própria alegria.

Amém

 

Per Ipsum, et cum Ipso, et in Ipso!!

Marco Aurélio