O meu Ano da Fé: Vencendo meus desertos

Como é bom conhecer Jesus… Quanto mais o conhecemos mais nos entregamos a Ele e também mais nos conhecemos! É como se quanto mais vamos adentrando nos ensinamentos de Jesus mais vamos conhecendo o mais fundo do nosso coração…

Quantas vezes eu já não pensei em desistir diante ao inúmeros problemas e dificuldades que aparecem na minha vida e da minha família. Costumava brincar com minha esposa que a cada “leão” que deixávamos para trás, outros três novos surgiam!!!!

Mas estudando os versículos 12 e 13 do capítulo 1 do Evangelho de Marcos vejo como Jesus me ensina a não desanimar diante as dificuldades e tentações do mundo… Ele mesmo, depois de ser batizado e, guiado pelo Espírito Santo, assumiu a sua condição de homem e passou 40 dias no deserto e ainda no final sendo tentado por satanás.

O parágrafo 540 do Catecismo da Igreja nos diz: A tentação de Jesus manifesta a maneira que o Filho de Deus tem de ser Messias – o oposto da que lhe propõe Satanás e que os homens desejam atribuir-Lhe. É por isso que Cristo venceu o tentador por nós: “Pois não temos um sumo sacerdote incapaz de compadecer-se de nossas fraquezas, pois Ele mesmo foi provado em tudo como nós, com exceção do pecado” (Hb 4,15).

E é aí meus irmãos, que me deixa mais apaixonado por Jesus, é que Ele venceu esse desafio somente com sua condição humana… ” Jesus assume sua missão de nos salvar, e como homem, me mostra que, também guiado pelo Espírito Santo, também posso vencer meus “desertos”, minhas tentações, minhas lutas e batalhas!!!

Como podemos desistir diante das nossas dificuldades se nosso Salvador não desistiu da sua missão para me salvar? E o que são as minhas dificuldades diante do deserto que Jesus enfrentou???

Quantos de nós hoje não estão passando pelo “deserto” e nele sendo tentados diariamente… Desertos da depressão, das drogas, da bebida, da preguiça, do comodismo, de uma doença, do desemprego, de problemas no casamento, da solidão, e tantos outros desertos que vivemos… Mas uma coisa tenho certeza, nós podemos vencer cada um deles, pois Jesus viveu e venceu um deserto muito maior, Ele conhece nossas fraquezas e veem em nossa direção… Jesus caminha ao nosso lado em cada passo que damos para sair desse deserto.

Meus irmãos, temos que acreditar que, se estivermos junto de Jesus, seguindo seus passos e nos entregando totalmente a Ele, somos capazes de passarmos por tantos desertos que o mundo colocar diate de nós… Não podemos desistir e nem desanimar, pois tudo passa menos o amor de Deus por nós.

A cada deserto que vencemos vamos crescendo no amor de Deus e vamos nos tornando cada vez mais santos e firmes na Fé em Jesus Cristo!!!

Quando se é cristão não se para de lutar!!!!

Acredite, com Deus você é capaz!!!! Jesus viveu o que você vive e está do seu lado nesse exato momento!!!! Ele te ama!!!

 

Per Ipsum, et cum Ipso, et in Ipso!!

Marco Aurélio

 

 

Anúncios

VOU COM ASAS, COMO ÁGUIA, POIS CONFIO NO SENHOR!

 

“POSSO ATÉ CAIR OU VACILAR, MAS CONSIGO LEVANTAR,

POIS RECEBO DELE ASAS, E COMO ÁGUIA, ME PREPARO PARA VOAR.

EU POSSO IR MUITO ALÉM DE ONDE ESTOU, VOU NAS ASAS DO SENHOR,

O SEU AMOR É O QUE ME CONDUZ.

POSSO VOAR, E SUBIR SEM ME CANSAR,

IR PARA FRENTE SEM ME FATIGAR.

VOU COM ASAS, COMO ÁGUIA, POIS CONFIO NO SENHOR!”

 

Esta música, que o Padre Fábio de Melo cantou no seu programa Direção Espiritual de hoje, me tocou de uma maneira muito forte.

Nós, desde à nossa infância, somos movidos por desafios, por lutas pessoais, seja eslas de que tamanho for.

Na nossa infância lutamos para falar, para caminhar, para aprender… Já jovens lutamos para saber, para conhecer e entender, para encontrar nosso espaço, nosso caminho, nossos amores…

Já adultos, lutamos para viver bem, amar, sermos bons pais e boas mães, bons maridos e boas esposas…

Lutamos contra nossos vícios da bebida e das drogas, lutamos contra a pornografia e a prostituição, contra o mal que existe no mundo e em nós. Enfim, creio que estamos sempre lutando contra nossos limites.

Eu sei que hoje, mesmo agora, estou lutando contra o meu limite, mas esta noite eu fui inundado por uma enorme esperança, uma esperança em Jesus…

Não sei quais são os seus limites de hoje, onde você está parado, estacionado na sua vida sem conseguir avançar. Mas seja o que for, a grande certeza que lhe digo é que Jesus está agora dando asas a você e a mim, para que nós possamos prosseguir e ultrapassar nossas barreiras.

Maria aceitou as asas que Deus lhe deu e de uma simples menina se tornou a Mãe de Jesus. Pedro aceitou as asas que Jesus lhe deu e através dele Jesus fundou a sua Igreja. Paulo aceitou as suas asas e de um perseguidor passou a ser o maior anunciador de Jesus. Assim poderia continuar aqui a listar uma série de pessoas que foram muito além de onde imaginavam por terem aceitado as asas que Jesus lhes entregou, São Francisco de Assis, Dom Bosco, Santa Terezinha, Monsenhor Jonas Abib, etc.

Deus não nos criou para ficarmos no chão ciscando nossas misérias! Deus no criou para ir adiante, para voarmos alto, além de onde possamos enxergar.

Não importa a dor que esteja sentindo nesse momento… A dor de uma perda, a dor de uma queda, a dor de uma traição, a dor de um vício, a dor de uma luta constante. O que importa é entendermos que sozinhos não conseguiremos ultrapassá-los, vencê-los… Precisamos de Jesus para essa vitória, precisamos das asas que Jesus quer nos dar para alçarmos voos mais longos.

Meu querido irmão e minha querida irmã, aceite hoje as asas que Jesus lhe concede, tome a decisão de ir mais adiante, não perca a sua esperança e a sua alegria… Levante a cabeça, vista as suas asas, olhe bem para os olhos de Jesus e levante voo em busca do plano que Deus tem para você… Pode ter certeza que é muito maior do que você consegue imaginar.

Confie no Senhor, e como águia, voe em direção ao céu, Jesus o quer lá ao lado Dele!!!!

 

 

Per Ipsum, et cum Ipso, et in Ipso!!

Marco Aurélio