Quando caminhar já me custa…

Tenho recebido e-mails e mais e-mails de irmãos que tem partilhado comigo o peso de carregar a cruz no dia a dia, a dificuldade de transpor certas barreiras que aparecem em suas vidas e que nem mesmo sabem de onde vem…

Jesus te acolhe hoje!

A dificuldade financeira que surgiu e que não podem fugir desta realidade; os problemas em família parecem que estão desmoronando toda a estrutura familiar e sentem até mesmo o desejo de abandonar o lar…

O álcool, as drogas atingiram diretamente você ou alguém da sua família, e por isso a dor de ter que caminhar com estas situações!

O adultério tem machucado o mais profundo de você, seja você que esteja  adulterando ou sofrendo o adultério, mas esta situação tem despedaço o seu coração e não consegue sair disso….

A tristeza invadiu o seu coração, e por isso deixou que a depressão tomasse conta de você e já não existe mais animo para nada!

O cansaço de rezar já bateu a sua porta, e sem forças você suplica ainda que com muito esforço aquele Pai-Nosso ou aquela Ave-Maria. Não existe mais o desejo em seu coração de rezar, de falar com Deus, pois afinal parece que Deus sumiu…

São tantas as realidades que nos cercam e muitas delas tiram a nossa energia e nos colocam para baixo!

Até o desejo de tirar a própria vida tem passado pela cabeça destes irmãos…

Quero convidar a você que esta vivendo momentos de dificuldades, de tristeza e até mesmo de desespero; quero lhe convidar a dar uma prova de amor ao Senhor! Convidar você a falar agora com muita fé para o Senhor que independente do que você esteja vivendo, você continuará O seguindo! Independente da dor que esteja em seu coração, você falará ao Senhor que acredita que Ele tem olhado com amor para você!

Meu irmão e minha irmã, o sofrimento será sempre um mistério aos nossos olhos que somente conseguimos ver de forma limitada! Por detrás de cada sofrimento  existe O olhar de QUEM sabe o que é sofrer, de QUEM sofreu e que se compadece por nossos sofrimentos…

Não quero escrever hoje e nem tentar dar soluções para os seus problemas, mas quero lhe convidar a dar um passo na fé, dar um passo em direção a Jesus, mesmo em meio ao seu sofrimento!

A Face de Cristo

Quero lhe apresentar a Face de Cristo agora e lhe convidar a rezar neste momento a Jesus…Se você não conseguir sozinho, lhe sugiro que faça esta oração:

Senhor Jesus, você sabe como se encontra o meu coração neste momento! A dor e o sofrimento tem tomado conta de mim e nem sei por onde caminhar…É tanta tristeza que ne mesmo rezar eu consigo, não desejo, não tenho vontade, e para ser sincero(a) nem queria estar rezando agora…

Mas quero neste ato de fé entregar de verdade a minha vida e o meu coração em Suas mãos! Quero neste ato de fé dizer que acredito que o Senhor tem olhado para as minhas dores, e que mesmo que eu não veja, e que mesmo que grande seja os meus pecados, os Teus olhos estão voltados sobre mim…

Quero neste momento declarar que nada me separa do Seu amor, e mesmo em meio ao sofrimento eu continuarei te seguindo! Seja para mim agora Jesus o que Cirineu foi para Ti! Ele te ajudou a carregar a Vossa Cruz quando a mesma pesou nos Teus ombros…Seja agora Jesus o meu Cirineu….Ajude-me a carregar a minha cruz…Seja o meu Cirineu, Jesus…

Ajude-me a carregar a minha cruz, seja o meu Cirineu, Jesus…

Ajude-me a carregar a minha cruz, seja o meu Cirineu, Jesus…

Vá repetindo esta frase, até que você experimente a presença da paz reconfortante de Jesus em seu coração…

Ajude-me a carregar a minha cruz, seja o meu Cirineu, Jesus…

Ajude-me a carregar a minha cruz, seja o meu Cirineu, Jesus…

Respire profundamente, e lentamente repita esta oração por diversas vezes…

Ajude-me a carregar a minha cruz, seja o meu Cirineu, Jesus…

Ajude-me a carregar a minha cruz, seja o meu Cirineu, Jesus…

Ajude-me a carregar a minha cruz, seja o meu Cirineu, Jesus…

Este Artigo se encerra quando você experimentar a PAZ de Jesus invadindo o seu coração…

Deus abençoe você…

Ajude-me a carregar a minha cruz, seja o meu Cirineu, Jesus…

Ajude-me a carregar a minha cruz, seja o meu Cirineu, Jesus…

 

Danilo Gesualdo – Comunidade Canção Nova

Blog – Livres de Todo Mal

Série “Luta contra o pecado” – Não entremos em diálogo com a tentação!!!

 Com a tentação não entramos em diálogo!

 Aprendi que todo o pecado vem precedido de uma tentação! O que isso significa de maneira concreta para nós?

Significa que todo pecado antes de ser concretizado tem um caminho a seguir dentro de nós, tem um percurso a ser feito em nosso interior! Posso dizer que quase todos os pecados, se não todos, tem um trajeto a ser feito antes de ser concretizado; e passar de tentação à pecado!

Então já começamos com isso a entender  que existe uma clara distinção de PECADO e de TENTAÇÃO! A tentação que não for concebida também não se torna pecado em nós! Ao contrário, ela pode até nos valer para aumentar os nossos méritos diante de Nosso Senhor e nos fortalecer…

Mas tentação concebida é sinônimo de PECADO!

E é aqui que quero lhe ajudar a entender o que acontece em nós em relação a este caminho que a tentação percorre!

Se acima eu afirmei que todo o pecado é precedido de uma tentação, nossos esforços precisam estar voltados para a observação de nós mesmos, dos nossos hábitos, conversas, amizades e até mesmo lugares que nos incentivam a concretizar o pecado em nós!

É preciso que fiquemos muito atentos com aquilo que precede o pecado em nós: Por vezes poderemos notar que quando iniciamos uma determinada conversa com um teor de malicia, logo logo isso fará com que um certo tipo de pecado nos atinja! Pode ser também que você observe que quando você encontra uma determinada pessoa, esta amizade acaba fazendo com que você caia em um determinado pecado; mesmo que esta pessoa seja boa e que vocês sejam amigos, mas sempre este encontro termina na concretização de um determinado pecado!

As vezes notaremos que mesmo que tenhamos boas intenções, quando vamos a um determinado lugar, este lugar fará com que pequemos se lá permanecermos…E assim eu poderia ficar expondo muito mais situações, e não sei se você notou, estão precedendo a concretização do pecado em nós!

Quantos jovens tem me escrito com problemas em sua sexualidade porque estão viciados em pornografia! Mas eles entendem, ou ao menos estão aprendendo, que este pecado da pornografia não vem e os atinge de maneira direta. Primeiro eles sentem o desejo de por exemplo acessar a internet, mas ai eles percebem que no interior deles já existe uma inclinação para que eles acessem um site pornográfico, e ao invés de no mesmo instante eles se determinarem a nem mesmo ligar o computador, eles cometem um dos MAIORES ERROS; eles começam a dialogar com a tentação! Começam a negociar com ela, começam a pesar os pós e os contras de naquele momento ligar o computador… Chegam até a arrumarem desculpas muito significativas e até nobres para ligar o computador; mas bem lá no fundo existe uma tentação que esta percorrendo um caminho para levá –lo ao pecado!

E ai esta pessoa acaba ligando o computador, acessa paginas boas, com bons conteúdos…Acessa os seus e-mails, e vai ali navegando tentando provar a si mesmo que ele tinha razão em ligar o computador, que ele sabia que não cairia…mas de repente lhe surge um pensamento de cunho sexual, e ele até reluta num primeiro momento, e continua com o computador ligado…E ai mais pensamentos começam a vir e surgir, e ele pensa consigo “só vou acessar tal página para ver isso..” e ai acessa uma pagina que não “não é tão pornográfica” assim, mas ai sua mente vai cada vez mais perdendo força, perdendo força, e como o instrumento na qual o ajudará a pecar – neste caso o computador – já esta ligado, ele vai e acessa uma pagina pornográfica… E depois de acessar esta pagina, acessa outra e depois envolvido com a pornografia chega a ficar por horas nestes tipos de páginas…e ai toda a consequência da tentação concebida em pecado! Uns caem na masturbação, outros no adultério, outros na prostituição e assim por diante…. Mas na verdade onde tudo começou?

Começou naquele “pequeno desejo” de acessar a internet, que logo quando surgiu este desejo  este jovem detectou que era uma tentação; mas o que este jovem não notou foi que, quando a tentação foi- se descoberta, ela tomou um outro caminho, fez um outro trajeto…colocou até mesmo desejos nobres no seu coração para ligar o computador! E foi ai que este jovem comentou outro erro: Dialogou com a tentação, negociou com ela, pesou pós e contras e foi assim se enfraquecendo em seu discernimento, e a tentação ganhando terreno e cumprindo o seu trajeto, até que ele cometeu o pecado em si!

Você consegue perceber o caminho que a tentação fez com este jovem até o pecado ser concebido?

E assim acontece com todos os pecados! Por isso que é muito importante que nos observemos, fiquemos atentos com aquilo que são as nossas motivações para fazer qualquer coisa, porque por detrás delas infelizmente pode estar uma tentação camuflada!

E ainda um outro erro que não podemos cometer: Não dialogarmos com a tentação! Não disputamos uma queda de braço com a mesma, não pesamos o que será bom ou mal! Ao perceber a tentação a repelimos diante de nós, a expulsamos de nosso interior, e não dialogamos com ela; pois uma vez iniciado este dialogo iremos precisar de uma força redobrada para vence-la!

Assim eu poderia falar do pecado relacionado ao álcool, as drogas, as fofocas, ao ódio e etc…

Por isso nesse caminho de discernimento é importante que que tenhamos esta clara necessidade de nos observar, de perceber o que nos impulsiona, o que nos move….

Assim também poderemos aprender que caminho e que estratégia a tentação se utiliza para nos amarrar e nos prender!

Espero que tenha ficado clara esta questão de que todo pecado é precedido de uma tentação!

Deus abençoe você!

Danilo Gesualdo

Missionário Canção Nova